Exposição Cristo Redentor Para Todos em Paris


Uma réplica do monumento ao Cristo Redentor foi instalada, na última quarta-feira, 29 de agosto, em frente à Catedral de Notre Dame, em Paris. De braços abertos, a Imagem marca as comemorações dos 80 anos do Cristo Redentor e simboliza a acolhida do povo carioca aos peregrinos franceses que virão ao Rio de Janeiro para a Jornada Mundial da Juventude 2013 (JMJ Rio2013).

A cerimônia de instalação da réplica do Cristo foi marcada com uma Missa, presidida pelo Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Paris, Dom Éric de Moulins-Beaufort, por padres franceses e pelo Reitor do Santuário Cristo Redentor, Padre Omar Raposo.

Durante a celebração, no dia em que a Igreja recordou o martírio de São João Batista, Dom Éric enfatizou a alegria em receber o Cristo de braços abertos para abençoar a todos.

— A Catedral de Notre Dame, que já é um dos pontos turísticos mais visitados do mundo, agora terá ainda um novo atrativo. O Rio de Janeiro, hoje, é o centro do mundo devido aos grandes eventos que irá sediar. Com o Cristo do Corcovado, podemos sentir essa presença brasileira aqui na frança, afirmou Dom Éric.

Ao final da celebração, Padre Omar fez um agradecimento pela acolhida dos franceses em nome do Arcebispo do Rio e os presenteou com a Imagem. Com o término da exposição, o Cristo passará por algumas Igrejas da capital francesa.

De acordo com Padre Omar, a exposição em Paris também os impulsionou ainda mais para os trabalhos em preparação à JMJ, visto que em 1997 a cidade sediou o evento. Para o Padre Christopher Beau, responsável pela delegação da juventude francesa que irá para o encontro com o Papa no Rio, a réplica fará parte da preparação dos mais de 700 jovens.

— Estamos nos reunindo mensalmente para uma preparação espiritual para o grande evento do ano que vem. Agora, esse Cristo dará ainda mais sentindo aos nossos encontros, disse Padre Christopher.

Muitos brasileiros que estavam na Cidade Luz participaram e se encantaram com a exposição.

— Estou estudando em Paris faz 4 meses, ao saber da exposição, vim correndo, para a Praça João Paulo II, sentir mais de perto a presença da minha Cidade Maravilhosa. O Cristo Redentor tornou Paris ainda mais especial, destacou Fernanda Carvalho.

 

 

A equipe da exposição participou de um momento de muita emoção. Convidados pelo bispo foram a um lugar reservado na Catedral, onde ficam os tesouros, e tiveram a oportunidade de ver a coroa de espinhos usada na Paixão de Jesus.

Para o Curador da exposição, Eduardo Maruche, é gratificante divulgar para o Brasil e para o mundo a fé do povo carioca através da estátua de 3,8 metros. Segundo ele, o próximo país contemplado será o Canadá.

Da Catedral que tem Nossa Senhora como patrona e agora uma Imagem do Cristo Redentor, a comitiva volta para o Brasil abençoada, com a sensação de dever cumprido e animada para preparar a Jornada Mundial da Juventude.

 

Voltar para home        Voltar para exposições